sábado, 9 de fevereiro de 2008

E num e-mail...

"Sabe, nos últimos 20 ou 30 anos anda acontecendo uma coisa muito louca com as pessoas no mundo. Mais do que nunca elas (nós) estão com medo... Medo, entende? Medo... o medo é uma coisa muito séria, minha cara. É a causa dos maiores males da humanidade, em toda sua história. O medo causa a guerra, o medo causa a fome, o medo causa a doença... Certo, mas medo de quê? Principalmente do futuro, ma chérie. As pessoas fazem estoques de comida pelo medo da fome que pode vir. As pessoas guardam dinheiro pelo medo de se verem necessitadas no futuro. As pessoas se apossam das outras pessoas pelo puro e simples medo de se verem sós em algum lugar do tempo futuro. O Terrorismo, o Aquecimento Global, a Desegualdade Social no Mundo, as Doenças são todas frutos de ações que fazemos por medo. O grande número de casos de câncer que se vê por aí hj é consequência direta do aumento do medo das pessoas. Câncer surge de um desequilíbrio físico, e este, por sua vez, de um desequilíbrio mental. O câncer é um crescimento anormal do número de células... às vezes imagino o corpo, com medo de faltar células no futuro, estocar um realmente grande número de células em um determinado local... guardar para o futuro (já viu isso em algum lugar?).
Destaca-se as doenças... Em algum momento da vida, alguém acha que o mundo não está justo como deveria, ou infeliz, ou inerte... essa pessoa então sente vontade de não viver mais... viver para que, afinal? A vida não tem sentido, é só angústia e sofrimento... E num instante o corpo atende ao que a mente deseja. E surgem doenças...
As pessoas realmente não sabem o que fazer, estão sem rumo, a deriva e sem visão de terra. Não é à-toa o espantoso número de religiões e seitas que estão surgindo, prometendo um futuro feliz e um sentido para a vida das pessoas... Mas as pessoas são seres inteligentes, e vez ou outra se questionam: e se não tiver nada do que estão nos ensinando? Então surge mais um medo do futuro, do futuro prometido.
Enfim, isso é mais ou menos inteligível. O medo."

Ciro- 09.02.08

2 comentários:

Ravnos_Blacklotus disse...

Meu unico medo é ficar sem você.

Te amo.

Tainá Simples disse...

Um baita escritor. Certeza q ele faz física?

E como é intereçante ver a verdade pelos olhos de outrem...