domingo, 17 de junho de 2012

Sabe, quando me mudei para essa cidade eu pensei que seria mais traumático. Não por mudar, não por sair da casa do meu pai, mas pelo simples fato de deixar Uberlândia que eu amo para morar em Brasília, que eu sempre tive  um pé atrás.
A verdade é que depois de ter feito intercâmbio para os EUA, sem falar a língua direito, sem conhecer ninguém, morando com duas meninas que nunca tinha visto na vida e passar por todo o perrengue que passei, morar em qualquer cidade do Brasil ficou fácil. Talvez também pelo fato de eu ter me mudado e estar morando com a pessoa mais linda do mundo e a gente se dar super bem... Mas mesmo assim, a indignação com o descaso com a população pobre do DF foi intensificada.
Todos os dias são inúmeras notícias de mulheres grávidas e recém nascidos que morrem aguardando atendimento nos hospitais públicos, assaltos que terminam em morte, estupro e abuso sexual de crianças, etc etc etc. Muitas notícias, muitas.
Além disso, andando na rua é possível perceber a falta de calçamento e iluminação pública. Quando você pega um ônibus é preciso fazer figa para que ele não quebre no caminho com você... Se você for pedestre, você tem opção de escolher qual o melhor caminho pra você: Correr entre os carros numa avenida de alta velocidade para atravessar a mesma (Eixão) ou então atravessar pelas passarelas que ficam DE BAIXO da via dos carros, num lugar escuro e sem ter pra onde correr se aparecer um FDP querendo te fazer algum mal.
Um conhecido publicou uma imagem no facebook com a foto do Congresso Nacional (aquele com as duas torres e o disco voador partido dos lados) e na foto havia a seguinte mensagem:
"Aqui tem 513 deputados, Brasília só elegeu 8. Quem elegeu 505? Antes de falar mal da cidade, recolha o LIXO que você mandou pra cá."
Achei muito interessante. Afinal, é fácil falar que a cidade que mais recebe recursos em todo o brasil é uma das que fornece menos qualidade de vida pra população se a gente não pensa que aqui é só o centro do que todo o país escolhe.
Eu sou contra votar no político que te parece menos mentiroso, menos corrupto. Eu sou a favor de não votar até que apareçam candidatos que mereçam cuidar do meu país.

Mas fugi do que eu queria falar, vim só reclamar que uma brasiliense xarope foi encher o saco porque eu não concordei com a hashtag #euamobrasilia, mas agora já acabei com o assunto, tsc.